Notícias Notícias

« Voltar

Disputa pela 23ª edição do Troféu Câmara terá três longas e 18 curtas-metragens

Três longas e 18 curtas-metragens (veja abaixo) concorrerão aos prêmios da 23ª edição do Troféu Câmara Legislativa para produções cinematográficas do Distrito Federal. Os 21 filmes disputarão R$ 240 mil em prêmios e serão exibidos de 17 a 21 de setembro na Mostra Brasília, que faz parte da programação do 51º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro. A lista dos filmes selecionados foi divulgada na tarde desta terça-feira (24) pelos integrantes da Comissão de Seleção e do Comitê Gestor do Troféu Câmara Legislativa.

Os títulos foram escolhidos entre os 92 filmes que tiveram as inscrições homologadas, segundo o regulamento da competição. Durante o anúncio, os integrantes destacaram a quantidade e a qualidade das produções inscritas. Péterson Paim, diretor, roteirista e produtor premiado em vários festivais de cinema, explicou que a Comissão levou em conta aspectos técnicos para a definição dos filmes e destacou o grande número de filmes de boa qualidade.

Núbia Santana, atriz, documentarista e coordenadora de projetos culturais e sociais em cinema, chamou a atenção para a qualidade das produções. E Adriano de Angelis, jornalista, realizador de audiovisual e coordenador de projetos de comunicação, elogiou a diversidade das produções, que, segundo ele, demonstram a ousadia do cenário do audiovisual do DF.

Também integraram a Comissão de Seleção Diana Svintiskas, documentarista, diretora de vídeos institucionais, educativos e séries de TV, e Kakau Teixeira, jornalista, produtora cultural e assessora de mostras e festivais. Além da Mostra Brasília, as produções também serão exibidas no auditório da Câmara Legislativa para estudantes e em salas em Taguatinga, Ceilândia e Sobradinho, com votação popular por meio de aplicativo. O júri oficial do Troféu Câmara será definido e anunciado nos próximos dias.

Prêmios – Os filmes vão concorrer a um total de R$ 240 mil em prêmios, divididos entre várias categorias (veja abaixo). O melhor longa-metragem escolhido pelo júri oficial receberá R$ 100 mil, e o curta, R$ 30 mil. O júri popular também vai eleger os vencedores nas duas categorias, que receberão, respectivamente, R$ 40 mil e R$ 10 mil. O melhor diretor fará jus a R$ 12 mil e as demais categorias técnicas (ator, atriz, roteiro, fotografia, montagem, direção de arte, edição de som e trilha sonora) receberão R$ 6 mil, cada uma.

Parceiros – O melhor longa-metragem segundo o júri popular receberá, ainda, R$ 100 mil da Petrobrás, para serem aplicados na distribuição do filme no circuito comercial, em 10 salas de cinema de três das principais cidades brasileiras.

O melhor longa eleito pelo júri oficial também receberá o Prêmio CiaRio, no valor de R$ 16 mil em locação de equipamentos de iluminação, acessórios e maquinaria da empresa MovieCenter. Já o curta-metragem indicado pelo júri oficial receberá, por sua vez, o Prêmio CiaRio de R$ 8 mil, para locação de equipamentos de iluminação, acessórios e maquinaria da empresa Naymar.

Reconhecimento – Criado em 1996 para reconhecer o talento dos cineastas brasilienses e incentivar os jovens realizadores, o Troféu Câmara Legislativa do DF ajudou a consolidar uma das principais vitrines da produção audiovisual local: a Mostra Brasília.

Ao longo de mais de duas décadas, já foram injetados R$ 2,4 milhões no cinema local, e foram premiados cineastas que viriam a ser reconhecidos nacional e internacionalmente, como a documentarista Maria Augusta Ramos e os diretores Adirley Queirós, José Eduardo Belmonte, René Sampaio, Betse de Paula, Santiago Dellape, entre outros.

Também já receberam o Troféu Câmara cineastas consagrados, como Vladimir Carvalho, André Luiz Oliveira, Marcos Mendes, Dácia Ibiapina, Sergio Moriconi, Erika Bauer, além de Geraldo Moraes e Manfredo Caldas (ambos falecidos).

A ideia da CLDF é continuar impulsionando a produção local, e a resposta tem vindo também no aumento do número de inscrições, que passaram de seis no primeiro ano para 86 no ano passado.

Filmes selecionados

Longa-metragem

- Marés, de João Paulo Procópio, 84min29s, ficção, 14 anos, 2018

- New Life S/A, de André Carvalheira, 78min26s, ficção, 14 anos, 2018

- Outro Lado da Memória, de André Luiz Oliveira, 110min50s, documentário, 10 anos, 2018

 

Curta-metragem

- A Praga do Cinema Brasileiro, de William Alves e Zefel Coff, 26min, ficção, livre, 2018

- A Roda da Fortuna, de Luciano Porto, 13min, ficção, 10 anos, 2018

- À Tona, de Daniela Conenberg, 14min, documentário, 14 anos, 2018

- Brasilha, de Rafael Morbeck, 3min, ficção, livre, 2018

- Cabeças, de Bruna Carolli, 9min, ficção, livre, 2017

- Casa de Praia, de Duda Affonso, 16min, ficção, livre, 2018

- Entre Parentes, de Tiago de Aragão, 27min, documentário, livre, 2018

- In Memorian, De Gustavo Fontele Dourado e Thiago Campelo, 24min, ficção, 12 anos, 2018

- Me Deixe Não Ser, de Kleber Macedo, 20min, ficção, 12 anos, 2018

- Monstros, de Douro Moura, 15min, ficção, 12 anos, 2018

- Noroeste, de Lucas Ferreira Gesser, 13min, documentário, 10 anos, 2018

- O Homem Banco, de Cícero Fraga, 11min, ficção, 12 anos, 2017

- O Mistério da Carne, de Rafaela Camelo, 18min, ficção, 16 anos, 2018

- Para Minha Gata Mieze, de Wesley Gondim, 25min, ficção, 16 anos, 2018

- Presos que Menstruam, de Alisson Sbrana, 20min, ficção, 18 anos, 2018

- Riscados pela Memória, de Alex Vidigal, 20min, ficção, 10 anos, 2018

- Sinucada, de Rafael Stadniki Morato, 16min, ficção, 14 anos, 2018

- Terras Brasileiras, de Dulce Queiroz, 29min, documentário, 12 anos, 2017

  

Prêmios do Júri Oficial do Troféu Câmara Legislativa

 

a) melhor longa-metragem: R$ 100.000,00

b) melhor curta-metragem: R$ 30.000,00

c) melhor direção: R$ 12.000,00

d) melhor ator: R$ 6.000,00

e) melhor atriz: R$ 6.000,00

f) melhor roteiro: R$ 6.000,00

g) melhor fotografia: R$ 6.000,00

h) melhor montagem: R$ 6.000,00

i) melhor direção de arte: R$ 6.000,00

j) melhor edição de som: R$ 6.000,00

k) melhor trilha sonora: R$ 6.000,00

 

Prêmios do Júri Popular

 

a) melhor longa-metragem: R$ 40.000,00

b) melhor curta-metragem: R$10.000,00

 

Luís Cláudio Alves
Fotos: Rinaldo Morelli/CLDF
Comunicação Social – Câmara Legislativa