Mais lidas Mais lidas

« Voltar

Filmes vencedores do Troféu Câmara serão reprisados no Cine Brasília

Filmes vencedores do Troféu Câmara serão reprisados no Cine Brasília

Ter, 02 Out 2018 15:21

Filmes vencedores do Troféu Câmara serão reprisados no Cine Brasília

Filmes vencedores do Troféu Câmara serão reprisados no Cine Brasília

Os filmes vencedores da 23ª edição do Troféu Câmara Legislativa do Distrito Federal serão exibidos em duas sessões especiais, no Cine Brasília, com entrada franca, nesta quarta (26) e quinta-feira (27), às 18h. "New Life S.A.", de André Carvalheira, levou o troféu de melhor longa-metragem e "Entre Parentes", dirigido por Tiago de Aragão, o de curta-metragem, escolhidos pelo júri oficial. O júri popular aclamou "O Outro Lado da Memória", do veterano André Luiz Oliveira, na categoria longa, e "Terras Brasileiras", de Dulce Queiroz, como o melhor curta. Os premiados foram conhecidos no último domingo, no encerramento do 51º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro.

Nesta quarta-feira, serão apresentados os ganhadores eleitos pelo júri popular. O curta-metragem "Terras Brasileiras" (classificação indicativa 12 anos) documenta conflitos que vêm ocorrendo no Mato Grosso do Sul, na fronteira com o Paraguai, onde indígenas e produtores rurais disputam a posse da terra. Dirigido por Dulce Queiroz, o filme recebeu, em 2018, dois prêmios no Festival Guarnicê de São Luís (MA): melhor filme (júri popular) e menção honrosa (júri oficial). Também foi exibido em sessão especial em Bruxelas (Bélgica), em 2017.

"O Outro Lado da Memória" (classificação indicativa 10 anos) é um documentário de longa-metragem com cenas de ficção sobre a tentativa de realização do filme "Viva o Povo Brasileiro", adaptação do romance homônimo do escritor João Ubaldo Ribeiro. O filme revela o trabalho realizado pelos produtores e pelo diretor/roteirista André Luiz Oliveira e enorme equipe, ao longo de quase uma década (1996 a 2005) de preparação do épico até a sua dramática interrupção semanas antes do início das filmagens. Em 2015, Oliveira dirigiu "Zirig Dum – A Arte e o Sonho de Renato Matos" que recebeu o Troféu Câmara Legislativa na categoria melhor longa, também escolhido pelo júri popular.

Júri Oficial – Na sessão de quinta-feira, serão exibidos os filmes indicados pelo júri oficial  composto por três importantes nomes do cinema nacional, todos com laços estreitos com a produção audiovisual de Brasília: os cineastas João Batista de Andrade, Liloye Boubli e Armando Lacerda.

O documentário "Entre Parentes" (classificação indicativa livre), do diretor e pesquisador cinematográfico Tiago de Aragão retrata o momento, um ano após o impeachment, em que Brasília recebeu a 14ª edição do Acampamento Terra Livre. "Ao mesmo tempo, na mesma Esplanada dos Ministérios, que abrigava as barracas de povos indígenas, parlamentares debatiam uma agenda de retrocessos à causa indígena", resume o diretor.

Única ficção entre os premiados com o Troféu Câmara, este ano, o longa-metragem "New Life S/A", (classificação indicativa 14 anos) foi dirigido por André Carvalheira, autor, entre outros, do curta-metragem "Toda Brisa", premiado na oitava edição do Troféu Câmara. No longa, Augusto é um jovem arquiteto bem-sucedido que planeja um grande condomínio em Brasília onde seus habitantes viveriam uma nova vida. Um condomínio com as virtudes de um homem novo, uma sociedade nova. Mas a utopia de Augusto se choca com a realidade ao seu redor.

Reconhecimento – Concorreram à premiação, nesta edição do Troféu Câmara Legislativa, três longas e 18 curtas, selecionados entre 92 títulos que tiveram as inscrições homologadas. Criado em 1996 para reconhecer o talento dos cineastas brasilienses e incentivar os jovens realizadores, o prêmio vem ajudando a consolidar a produção audiovisual da cidade. Durante a cerimônia de premiação, o Troféu do Legislativo do DF foi destacado pelos integrantes do júri oficial como um importante estímulo ao desenvolvimento do cinema local. Murilo Grossi, eleito melhor ator, também elogiou a iniciativa: "O Troféu CLDF foi uma luta e uma conquista, e hoje está aí firme e forte, ajudando a consolidar o cinema em Brasília".

Marco Túlio Alencar
Foto: Carlos Gandra/CLDF
Comunicação Social - Câmara Legislativa