Mais lidas Mais lidas

« Voltar

Distritais pedem punição à banca organizadora do concurso dos Bombeiros

Distritais pedem punição à banca organizadora do concurso dos Bombeiros

Ter, 21 Fev 2017 19:53

Distritais pedem punição à banca organizadora do concurso dos Bombeiros

Distritais pedem punição à banca organizadora do concurso dos Bombeiros

Em sessão ordinária realizada nesta terça-feira (21), o deputado distrital Prof. Reginaldo Veras (PDT) ocupou a tribuna do Plenário para criticar a banca IDECAN, organizadora do concurso do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal. Veras disse que o instituto demonstrou incapacidade para realizar um certame a altura de uma instituição renomada, como o Corpo de Bombeiros, o que levou ao cancelamento da prova para o cargo de oficial. "Neste final de semana, na prova de soldado, a incompetente banca voltou a gerar incertezas e insegurança nos candidatos", afirmou Veras.

O deputado citou matéria do Correio Braziliense que denuncia que 70% das questões teriam sido copiadas da internet e de provas anteriores, além de questões com grau de dificuldade incompatíveis com o cargo e erros primários de português. "Espero que a banca tenha o mínimo de responsabilidade, reconheça seus erros e anule as questões plagiadas", ponderou o parlamentar.

Veras se diz preocupado, pois esta mesma banca está participando do processo licitatório para realizar o concurso da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF). "Farei o possível, recorrendo a todas as instituições republicanas de controle, como o Tribunal de Contas e o Ministério Público, para que esta banca não realize o concurso da PMDF", alertou o distrital.

Já o deputado Wasny de Roure (PT) exigiu que a IDECAN seja descredenciada e nunca mais venha aplicar provas do âmbito do Distrito Federal. "Essa banca IDECAN tem que ser multada e prestar conta aos candidatos que foram lesados", comentou o distrital.

F. Montoro (estagiário) - Coordenadoria de Comunicação Social