Mais lidas Mais lidas

« Voltar

Dia do Servidor de Trânsito é comemorado na Câmara Legislativa

Dia do Servidor de Trânsito é comemorado na Câmara Legislativa

Seg, 25 Set 2017 11:44

Dia do Servidor de Trânsito é comemorado na Câmara Legislativa

Dia do Servidor de Trânsito é comemorado na Câmara Legislativa

A Câmara Legislativa do Distrito Federal realizou sessão solene na manhã desta segunda-feira (25) em comemoração ao Dia do Servidor de Trânsito. A iniciativa foi do deputado Wellington Luiz (PMDB), que lamentou as críticas que estes profissionais recebem por parte da sociedade. Para ele, esta falta de reconhecimento não deve desestimular os servidores.

O deputado defendeu o porte de armas para todos os servidores de trânsito. Na opinião do parlamentar, o objetivo é a defesa da própria sociedade. A liberação do porte está sendo analisada pelo Senado Federal, por meio de um projeto de lei complementar, que pode ser analisado ainda esta semana.

O deputado Rafael Prudente (PMDB) também participou da solenidade e afirmou que apoia a reivindicação pela liberação do porte de armas para a categoria. Segundo Prudente, o porte desafogaria a Polícia Militar, que atualmente tem que deslocar gente para dar suporte às operações.

O coronel Alexandre Souza Oliveira, do comando de policiamento de trânsito da PM, salientou as dificuldades que os servidores encontram durante as operações, como a incompreensão dos cidadãos quando são abordados e ataques na mídia social. Oliveira destacou ainda que o trabalho no trânsito é difícil e complexo.

Redução – O diretor geral do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), Henrique Ludovice, disse que Brasília é uma referência e um exemplo para o restante do País por causa do programa de paz no trânsito. De acordo com ele, 2017 será o ano com o menor número de acidentes da história do DF. De janeiro até o dia 10 de setembro, segundo ele, o DF registrou 99 mortes a menos do que no mesmo período do ano passado.

Na mesma linha, o chefe de gabinete da superintendência da Polícia Rodoviária Federal no DF, Cidenor Guerra de Oliveira, comemorou a redução do número de acidentes. Segundo ele, em 2016, foram computadas cerca de 6.300 mortes no trânsito em todo o País, enquanto que a projeção inicial era de 12 mil. No entanto, Oliveira ressaltou que é necessário mais apoio e suporte aos policiais e agentes de trânsito.

O major Omar Oliveira Guedes, representante do Corpo de Bombeiros, também destacou a "melhora significativa do número de acidentes. Para ele, os resultados melhores se devem à melhoria na gestão e a adoção de novos procedimentos.

Já o chefe de gabinete do senador Hélio José (PMDB-DF), José Carlos Matos, aproveitou a solenidade para defender o papel do servidor público na sociedade. Na opinião dele, é necessário a união de todos os servidores para lutar contra o movimento que ataca os servidores. A próxima ameaça, segundo Matos, é a proposta de demissão sumária de servidores concursados. "Estão genitizando os servidores públicos", sentenciou.

O diretor geral do Detran, Silvain Barbosa Fonseca Filho, concordou que os servidores realmente são "a bola da vez". Ele lembrou que os órgãos públicos perderam vários servidores nos últimos meses que se aposentaram para não perder seus direitos. Na avaliação de Fonseca, as instituições precisam ser blindadas para que consigam realizar suas atividades com qualidade.

Representando o secretário de Segurança Pública e Paz Social, o coronel Mauro Kaiser, coordenador de valorização profissional da pasta, elogiou o "empenho e brilhantismo" da atuação dos servidores e o sucesso das atividades da semana do trânsito, encerrada no último domingo.

Ao final da sessão, foram entregues moções de louvor para vários servidores.

Luís Cláudio Alves
Fotos: Sílvio Abdon
Comunicação Social - Câmara Legislativa